Souslovo

 No final de Julho de 1997, Ismagil Gaysin e seu filho Radik estavam carregando feno em um carro perto da aldeia Souslovo à 10 km ao norte de Birsk, Bashkortostan, Russia. O carro não estava seguro na pista inclinada e o pai pediu ao filho para encontrar uma pedra para travar a roda. Radik encontrou uma pedra enterrada no solo em uma vala próxima. Quando o trabalho estava terminado, eles decidiram levar a casa de pedra, porque tinha uma cor e forma incomum. Mais tarde, eles imaginaram que a pedra (pesando 19,3 kg) poderia ser um meteorito, e em 2002 enviaram um pedaço para o Instituto Vernadsky, Moscow, para identificação. Em 30 de Março de 1966, às 15:45, horário local, uma bola de fogo brilhante foi observada na região e pode ser que o meteorito encontrado tenha relação com esta bola de fogo.