Mount Tazerzait

Na tarde do dia 21 de Agosto de 1991, uma bola de fogo, seguida por um enorme rastro de fumaça e uma grande explosão, assustando um jovem nômade na região noroeste do deseerto de Niger. O garoto, sétimo irmão e membro de uma tribo nômade Tuaregue local, estava perseguindo um bode que havia fugido até os pés do Monte Tazerzait, no nordeste de Tamesna, um planalto de cascalho em Niger. Isso ocorreu no dia do aniversário de sete anos do jovem nômade.

Depois de procurar pelo visitante dos céus, o garoto encontrou o local de impactoe, no seu centro havia uma enorme rocha negra, enterada até a metade no solo. "Que presente de aniversário espetacular" ele deve ter pensado. No dia seguinte o garoto levou os irmãos ao local e extimaram que a rocha pesava mais de 100 kg. eles não tinham como transportar tanto peso, então finalmente desidiram quebrar a rocha em pedaços menores. Durante os dias seguintes os irmãos martelaram e quebraram o meteorito em mais de 50 pedaços, que resultaram em aproximadamente 100 kg de fragmentos de meteorito, sendo o maior pesando 30 kg.

Membros da família visitaram professores e geólogos em Agadez e Niamey para mostrar o que o garoto havia encontrado, mas ninguém pareceu acreditar na história ou até mesmo se importar. Demorou cerca de cinco anos até um jovem argelino ouvir a história do impacto do meteorito durante sua estadia em Tamanrasset. Ele adiquiriu a maior parte do meteorito e enviou 40 kg para estudos na Suiça.