Coleção Meteoritos
Meteoritos Impactitos
Coleção Brasileiros
Meteoritos Impactitos
A Venda
Meteoritos Impactitos Acessórios
Artigos

Krasnojarsk (Rússia)

Siderólito

Palasito

Achado

Massa Total: 700 kg

Uma massa de cerca de 700 kg foi localizada em 1749 cerca de 145 quilômetros ao sul de Krasnoyarsk, Rússia. Ele foi visto por P.S. Pallas em 1772 e, em seguida, sob suas ordens, foi transportado para São Petersburgo.

Krasnojarsk foi o primeiro palasito encontrado e estudado e foi responsável pela criação do grupo de meteoritos Palasitos em homenagem a Pallas. Foi também o primeiro meteorito tratado com ácido (por G. Thomson) e, portanto, foi o primeiro a mostrar aos olhos humanos as figuras de Widmanstätten. A massa principal de 515 kg está agora em Moscou, na Academia das Ciências.

Fragmento 0,81g

Siderólito

Assim como os acondritos e os sideritos, os siderólitos também são originários de corpos cuja matéria primordial sofreu diferenciação. Este material, originário da nebulosa que formou o sistema solar e presente nos meteoritos condritos, sofreu a ação gravitacional ao longo de bilhões de anos dando origem a todos os corpos que conhecemos hoje no sistema solar como o sol, planetas, asteróides, etc. Da mesma forma que os acondritos provêem da crosta e os sideritos do núcleo, os siderólitos, por sua vez, são originários do manto do corpo parental.

Os siderólitos, também denominados ferro-rochosos, são constituídos de uma mistura de ferro-níquel e minerais silicatos.  São meteoritos raros e, dentro de um universo de aproximadamente 36000 meteoritos cadastrados no “Meteoritical Bulletin Database” em Fevereiro/2009, apenas 229 são siderólitos.
Os siderólitos são o tipo mais exótico e inacreditavelmente belo de meteorito, principalmente o do tipo Palasito. Os cientistas reconhecem três classes de siderólitos, sendo que apenas os Palasitos e Mesosideritos apresentam um número representativo de espécimes.