Coleção Meteoritos
Meteoritos Impactitos
Coleção Brasileiros
Meteoritos Impactitos
A Venda
Meteoritos Impactitos Acessórios
Artigos

NWA 4881 (Algeria)

Acondrito

Lunar

Achado

Massa Total: 606g

Histórico: Encontrado em 2005 e comprado por Stefan Ralew em janeiro de 2007 de um comerciante em Ouarzazate, Morocco.

Caracteísticas físicas: Pedra única, quebrada, e formato irregular conico  (606 g) parcialmente coberta por uma crosta de fusão pálida esverdeada e translúcida com um interior palido marrom-acinzentado.

Composição mineral e geoquimica: Olivin (Fa40.4-58.8, FeO/MnO = 91-100), plagioclase (An96.1-98Or<0.1), pigeonite (Fs32.0-64.5Wo9.5-13.1, FeO/MnO = 51.1-62).

Classificação: Acondrito (lunar, granulitic breccia). Essa rocha é pareada com o NWA 3163  (Irving et al., 2006) e o NWA 4483; Em combinação esses especimes evidentemente representam uma rocha naturalmente quebrada de um meteorito lunar com crosta de fusão pesando ao menos 2448 g.

Caixinhas a venda: foram adquiridas junto a um fornecedor pertencente a IMCA. 

Foto junto ao astronauta Jim Lovell - Apolo 13

Foto junto ao astronauta Ed Mitchel - Apolo 14

 

Fragmento 42 mg

Acondrito

O termo acondritos significa ausência de côndrulos e, assim como os sideritos, são provenientes de corpos parentais cuja matéria primordial sofreu diferenciação. Este material, originário da nebulosa que formou o sistema solar e presente nos meteoritos condritos, sofreu a ação gravitacional ao longo de bilhões de anos dando origem a todos os corpos que conhecemos hoje no sistema solar como o sol, planetas, asteróides, etc. Os acondritos, por sua constituição mais leve, têm origem nas regiões do manto e crosta do corpo parental, ao contrário dos sideritos que, por serem constituídos de materiais pesados como ferro e níquel, são originários da região central do corpo parental.

Acondritos são originários de processos ígneos em corpos parentais originalmente constituídos por condritos. As rochas terrestres são semelhantes aos acondritos, pois também sofreram processos semelhantes durante formação da Terra que, por sua vez, também teve seu material primordial semelhante aos dos condritos. Os acondritos estão entre os meteoritos rochosos mais raros, porém mais comuns que os condritos carbonáceos.
Os acondritos estão divididos em dois grandes grupos: acondritos ricos em cálcio (entre 5 a 25% ou mais) e acondritos pobres em cálcio (3% ou menos).  Há seis grandes grupos de acondritos: Aubritos (AUB), Diogenitos (DIO), Eucritos (EUC), Hawarditos (HWD), Ureilitos e Brachinitos.